Os benefícios de se exercitar durante a gestação começam imediatamente e permanecem durante a vida toda.

O bebê começará a sentir os benefícios ainda no útero. Abaixo, segue uma lista de pelo menos 6 razões para começar a se mexer ainda hoje, deixando de lado desculpas e obstáculos para isso.



1. Você ganhará menos peso: Pesquisas mostram que você poderá ganhar 3 quilos a menos do que uma grávida que não pratica exercícios regularmente.


2. O trabalho de parto poderá ser facilitado: Sem garantias, é claro, mas o fortalecimento do abdomen e um sistema cardiovascular em dia podem favorecer na hora do parto. Estudo americano mostra que mulheres que fizeram exercícios aeróbicos regularmente durante o pré-natal requisitaram 58% menos medicação para dor durante o trabalho de parto.


3. 27% menos chance de diabetes gestacional: Alto teor de açúcar no sangue durante a gravidez pode colocar em extremo risco a futura mamãe em relação a desenvolver diabetes do tipo 2. A prática de exercícios reduz em 27% esses casos. E, se mesmo assim, você adquira diabetes por questões genéticas ou de idade, exercícios ajudam a prevenir a necessidade de insulina e outros medicamentos.


4. Pré-natal sem estresse: Mães ativas costumam relatar melhor humor do que as sedentárias. Isso porque o exercício físico aumenta a concentração de endorfina, hormônio que causa a sensação de prazer no ser humano.


5. Adeus dores nas costas: Dois terços das mulheres grávidas tem alguma experiência de dores nas costas, porém, exercícios de hidroginástica e yoga podem oferecer alívio. Atividade física durante o segundo semestre de gravidez deve ser realizada com cuidado, sempre com o aval do obstetra.


6. Você sentirá menos constipação intestinal: Mulheres grávidas sentem maior constipação no intestino devido ao elevado nível de progesterona e ao crescimento do útero. Porém, exercícios aliados a uma dieta rica em fibras, manterá seu organismo funcionando como um reloginho



Nenhum comentário:

Postar um comentário