Preparando as crianças para um novo bebê

Não importa se este é seu segundo ou quinto filho: preparar as crianças para um novo bebê pode ser difícil. Quando e como você conta para eles pode fazer uma diferença enorme nas reações. É claro que você gostaria que as crianças vissem o novo membro da família de modo positivo, por isto analise cuidadosamente a conversa que terá com eles. Nesta seção ajudamos a escolher a hora certa, a decidir quanta informação transmitir e a reafirmar para as crianças a importância delas para a família.






Quando contar para eles






O ideal seria você contar para o seu filho sobre o novo bebê um pouco antes do dia marcado para o parto, porque como ele não tem o senso de tempo muito desenvolvido, seis meses ou mais podem ser muito para esperar. Mas como você não quer que seu filho saiba da notícia por outra pessoa, provavelmente contará para ele na mesma época em que estiver contando para todo mundo. Para uma criança pequena, procure relacionar o nascimento a algo diferente de uma data específica: "mais ou menos na época do seu aniversário" ou "quando as folhas das árvores começarem a ficar verdes". Uma criança mais velha, que pode lidar com a espera, pode ficar sabendo antes; para um adolescente, você pode contar logo que você mesma ficar sabendo. Ser o primeiro a saber, antes até do que a vovó, dá a essa criança mais velha o status de adulto que constrói sua auto-estima. Mas não conte para nenhuma criança enquanto ainda não estiver pronta para que todo mundo fique sabendo. Esse tipo de segredo é impossível de manter.







As idades dos seus filhos também determinam como responder às questões sobre reprodução que inevitavelmente se seguirão ao anúncio do novo bebê. É importante lembrar de dar à criança apenas a quantidade de informação que ela realmente pede e com a qual ela pode lidar. Uma criança que ainda está aprendendo a caminhar provavelmente só quer saber e só é capaz de entender que "o bebê está crescendo num lugar especial dentro da mamãe e vai sair quando estiver grande o bastante". Uma criança em idade pré-escolar ou que já está na escola provavelmente vai insistir em saber todos os detalhes da vida do bebê "ali". Se o seu filho é adolescente ou pré-adolescente, a gravidez dá uma oportunidade de ouro para que você transmita um pouco do seu sistema de valores - sobre sexualidade, reprodução e vida em família são discutidos de modo franco.






Com crianças de qualquer idade, utilize a terminologia correta para as partes e funções do corpo humano. Qualquer vergonha ou embaraço por falar abertamente que você possa sentir vai desaparecer com a repetição, ao mesmo tempo em que você estará fazendo um favor ao seu filho, já que ele não vai precisar reaprender as palavras. Você pode querer buscar inspiração no imenso número de livros sobre a reprodução humana disponíveis para pais e crianças (e, para crianças pequenas, livros sobre como é ter um irmãozinho ou irmãzinha bebês). Muitos destes livros são feitos para ler junto com o seu filho. O bibliotecário ou o vendedor da livraria podem ajudar você a encontrar o que há de melhor. Esteja pronta para responder às perguntas assim que elas são feitas. Com crianças pequenas, não se surpreenda se precisar repetir as respostas muitas vezes.


0800-109992
Lojas abertas até as 20hs,cômodas e berços pronta-entrega !










Nenhum comentário:

Postar um comentário